Como recuperar platina de velas de ignição

Extraindo platina de velas de ignição


NOTA:
"Eu tenho feito algumas pesquisas recentemente sobre a recuperação da platina de velas de ignição. Eu assisti um documentário na Nat Geo de "Meltdown", onde o sujeito tenta recuperar platina das sucatas de velas de ignição, no entanto estive a ler os comentários e não me convenci de que é assim fácil, fáci".

Vamos a isto:
A parte valiosa do tampão é uma pequena inserção em torno da extremidade de um núcleo de cobre. Historicamente, isso tem sido feito de ouro, platina, iridium ou paládio. Dizendo o que está em cada plug individualmente seria difícil pois depende muito de cada marca.
Name:  spark_plug_diagram.jpgViews: 11083Size:  39.2 KB

Se quiser fazer dinheiro com isto terá que ter montes de velas de ignição, pois a quantidade de platina nelas é pouca mas tendo em vista o preço da platina no mercado é bem tentador, no entanto como disse terá que ter muitos velas, porém, nem todas as velas tem platina há modelos que tem iridium para aumentar a sua resistência mas a sua capacidade condutiva vem da pequena quantidade de prata inserida nela, isto depois pode depender de marca para marca, consoante a % que lhe juntaram.
As velas de prata são de alto rendimento e pouco fabricadas devido ao alto preço deste metal.

Metais dos eletrodos centrais e laterais
Eletrodo central:
O eléctrodo central é ligado ao terminal através de um fio interno e geralmente uma resistência em série de cerâmica para reduzir a emissão de ruído de RF a partir da formação de faíscas. A ponta pode ser feita de uma combinação de cobre, de níquel-ferro, cromo, ou metais nobres. No final de 1970, o desenvolvimento de motores atingiu um estágio onde a faixa de calor de ignição convencional conecta com eletrodos sólidos centro de ligas de níquel foi incapaz de lidar com suas demandas.

Eletrodo lateral (solo, terra):
O eletrodo lateral é feito de aço níquelado de alta qualidade e é soldado ou forjado a quente para o lado do metal. Alguns modelos têm fornecido um núcleo de cobre a este eléctrodo, de modo a aumentar a condução de calor. Múltiplos eléctrodos secundários também podem ser usados, de modo que eles não se sobrepõem o eléctrodo central.

Propriedades dos materiais utilizados em Velas de Ignição
Materiais / Condutividade Térmica W / (m • K) / condutividade elétrica MS / m
Silver / 407/66
Cobre / 384/57
Ouro / 310/45
Iridium / 147/18
Platina / 70/10
Níquel / 59/10
Aço / 58/7

W / (m • K) = Energia por metro e Kelvin (1 kcal / (m h • • grd) = 1,163 W / (m • K)
MS / m = mega Siemens por metro (1S m / mm2 = 1MS / m), (1S = 1/3)

Velas de ignição radioativas

Firestone comercializou plugues com polônio na ponta, sob a teoria (questionável) de que a radioatividade ioniza o ar no espaço, facilitando a formação de faíscas.

Fontes:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Segue-nos ou partilhe isto...