Meteoritos

Informações sobre Meteoritos no Brasil,

como e onde encontrar, como identificar e como testar.

Meteorito Marília, condrito H4 que caiu em Marília, em 5 de outubro de 1971, às 17 h.
Meteorito Marília, condrito H4 que caiu em Marília, em 5 de outubro de 1971, às 17 h.
Um meteorito é a denominação dada quando um meteoroide, formado por fragmentos de asteroides ou cometas ou ainda restos de planetas desintegrados, que podem variar de tamanho desde simples poeira a corpos celestes com quilômetros de diâmetro, alcança a superfície da Terra, podendo ser um aerólito (rochoso), siderito (metálico) ou siderólito (metálico-rochoso).

Rochosos ou pétreos
São formados por materiais rochosos, como pedras;
meteorito rochoso ou pétreo

Metálicos ou Sideritos
São formados basicamente por ligas metálicas ferro/níquel;
meteorito metálico ou siderito 

Siderolitos
Meteoritos classificados como siderolitos (ou mistos), e são formados por uma composição mista de rocha e metal.

Estima-se que cerca de 1000 toneladas de objetos cósmicos, sejam eles fragmentos de planetas ou poeira cósmica, e de diversos tamanhos, desde pequenos grãos até alguns quilos, atinjam a atmosfera terrestre diariamente. Se um corpo como esse tiver o diâmetro igual ou superior a 10 centímetros, ele já pode conseguir "sobreviver" a queima da entrada na atmosfera terrestre e atingir o solo. Com sorte, teremos o prazer de ver, ou até mesmo de tocar um desses objetos extraterrestres, que muitas vezes, não sabemos exatamente de onde é a sua origem, e outras vezes, descobrimos que tratam-se de pedaços da Lua, ou de Marte, que se desprenderam após um impacto. 

Os meteoritos são muito valiosos, pois é através deles que podemos compreender a origem do Sistema Solar, ou como a Terra foi formada. Não só tem valor científico, como também financeiro, facilmente o valor de 1 grama pode ser muito maior do que o grama do ouro.

No mundo todo há colecionadores de meteoritos, o prazer de ter um exemplar cósmico, seja ele, uma poeira de asteroide, de um cometa, ou até um pedaço de Marte, ou da Lua, e pensar que aquele corpo vagou pelo espaço interplanetário, e por ventura veio a colidir com a Terra... sobreviveu a entrada na atmosfera e veio parar em nossas mãos... esse prazer é único, e não tem preço.

Aprenda a identificar meteoritos

Como identificar e testar meteoritos

Imagens comparativas de falsos meteoritos

Se você quer encontrar um pedaço de meteorito que pode valer muito dinheiro, então consulte o link a seguir onde há uma lista de onde já cairam alguns dos maiores meteoritos no Brasil e que chegaram a formar grandes crateras.

Crateras de impacto de meteoritos no Brasil

Fontes:

Sem comentários :

Segue oficina70.com