Pirita, o ouro de tolo

PIRITA, o ouro dos tolos
nódulos de pirita de Irati, Paraná
Aquelas partículas de mineral douradas brilhando atrativamente em uma rocha podem ser ouro, ou podem ser piritas de ferro astutamente disfarçadas de ouro e que são comumentes chamados de "ouro de tolo".
Nem todos conhecem as características do ouro e confundem a pirita como se trata-se de ouro.

Pirita
Pirita (Brasil) ou pirite (Portugal), também pirite de ferro ou pirita de ferro é um dissulfeto de ferro, FeS2. Tem os cristais isométricos que aparecem geralmente como cubos, mas também frequentemente como octaedros ou piritoedros (dodecaedros com faces pentagonais). Tem uma fratura ligeiramente desigual e conchoidal, uma dureza de 6-6.5 na escala de Mohs, e uma densidade de 4,95 a 5,10. Devido ao seu brilho metálico e à cor amarelo-dourada, recebeu também o apelido de ouro-dos-tolos (ou ouro-dos-parvos); ironicamente, contudo, pequenas quantidades de ouro podem às vezes ser encontradas disseminadas nas piritas. Com efeito, dependendo da quantidade de ouro, a pirita aurífera pode mesmo ser uma fonte valiosa deste metal precioso. Em piritas podem ocorrer também arsênio, níquel, cobalto e cobre.

Confusões com a Pirita:
Para quem não conhece, a pirita é confundida frequentemente com outros minerais como a Mica ou a Marcassita, sendo que a marcassita tem a mesma composição química e propriedades físicas similares.

Pirita e Marcassita
A marcassita é um polimorfo da pirita, o que significa que, embora ambas tenham a mesma fórmula química, possuem estruturas cristalinas diferentes. O par polimorfo marcassita/pirita é provavelmente o mais famoso ao lado do par diamante/grafita (que são também alótropos).

Outros minerais semelhantes à Pirita:
Arsenopirita, Calcopirita e Pirrotita.

Aplicações e usos da Pirita:
A pirita é usada frequentemente em jóias tal como colares e braceletes. A marcassita não pode ser usada em joalherias (ourivesaria) porque tem uma tendência a se desintegrar e virar pó. Um elemento extra de confusão entre marcassita e pirita é o uso desta palavra (marcassita) no comércio da joia: o termo é aplicado às pedras lustradas e facetadas, pequenas, que são embutidas na prata esterlina, mas mesmo que sejam chamadas marcassita, são na realidade pirita.

Mais informações em:

Diferenças entre a Pirita e o Ouro
Informações sobre testes de pirita e de rochas com pirita
nódulos de pirita de Irati, Paraná
Um explorador precavido tem algumas diferentes análises à sua disposição para calcular se depositou suas esperanças em nada ou se realmente deu sorte. Muitas das análises envolvem o uso de ferramentas comuns de uso doméstico ou simples conhecimentos das características específicas do mineral que transforma milionários do ouro em tolos.

Diferença entre minérios de Ouro e minérios de Pirita

Como reconhecer e testar Pirita

Diferenças entre a Pirita, Mica e Ouro
https://www.oficina70.com/2018/04/mica-pirita-vs-ouro.html

Piritas para colecionadores de minerais
 As piritas para colecionadores tem que ter uma qualidade excepcional que são as designadas Pirita Octaedro, sendo que alguns espécimes de melhor qualidade são vendidos com valores incríveis em sites de leilões. Outros tipos de piritas para colecionadores incluem piritas salientes com matriz relevante e pirita proeminente na matriz com outros minerais relevantes, além da beleza do espécime em si.

Piritas tem formas cúbicas com faces estriadas, mas também frequentemente octaédricos, tetraedros e piritoedros. Freqüentemente inter-cultivadas, maciças, radiadas, granulares, globulares e estalactíticas.

Veja exemplos de piritas que os colecionadores mais procuram:
Pirita octaedro
pirita de octaedro
Pirita de Octaedro
Pirita na matriz de outros minerais
pirita de octaedro em hematita no aglomerado de cristal
Pirita Octaedro em hematita no aglomerado de cristal
pirita no quartzo
Pirita com cubos estriados dourados entrelaçados com tetraedrito menor,
sobre um leito de agulhas de quartzo
Fluorita rosa, pirita e galena metálica
Fluorita rosa empoleirada entre pirita de um lado e galena metálica do outro lado
Pirita cúbicas
pirita cúbica
Pirita da Mina Victoria, Navajún, La Rioja, Espanha
Pirita de substituição
Por vezes a pirita esta como um mineral de substituição, isto acontece geralmente em fósseis, como acontece nesta Amonite da foto a seguir:
pirita como mineral de substituição na amonite
Pirita como mineral de substituição na amonite.

Pirita no Brasil
No Brasil, encontra-se pirita em quantidades exploráveis em Ouro Preto, Rio Claro, nas jazidas de chumbo e zinco do Vale da Ribeira, em Cerro Azul, a noroeste e ao norte de Minas e nas camadas de carvão do sul do País onde também são comuns encontrar nódulos de pirita na matriz de xisto.

Fontes:

Rob Lavinsky by https://www.irocks.com/

Sem comentários:

Enviar um comentário

Segue oficina70.com