Como a Apple recupera ouro e outros metais preciosos de iPhones usados

A Apple recuperou 40 milhões em ouro no ano de 2015

As acções de reciclagem de iPhones, iPads e Macs correspondeu a uma tonelada do metal precioso, segundo revela o CNN Money.

O CNN Money explica que o metal precioso é usado nos iPhones "para evitar a corrosão e por ser um bom condutor de electricidade". Porém, além desta quantidade importante de ouro, as acções de reciclagem da marca da maçã também permitiram recuperar 10,4 mil toneladas de ferro; 5,8 mil toneladas de plástico; 5,4 mil toneladas de aço e ainda quantidades importantes de outros materiais. 


A mesma fonte sublinha que a empresa investiu "fortemente, nos últimos anos, em programas de reciclagem", deixando o exemplo do Apple Renew, através do qual qualquer cliente pode reciclar dispositivos na Apple Store. 

Por outro lado, o recurso recente à linha experimental de robots Liam possibilita ainda a desmontagem de um total de 1,2 milhões de telemóveis por ano, deste modo se procedendo à separação de componentes. 


Mais de 27.000 toneladas de material é relatado para ser reutilizável e inclui aço, plástico, vidro, cobre e ouro.

Tenha em mente que os processos de recuperação de ouro tradicionais são realmente caros e a margem de que o ouro recuperado seria muito pequeno. Para a Apple, o valor monetário real dos materiais recuperados pode não significar muito, mas pode-se, pelo menos, apreciar o sentimento por trás dele.

Um relatório da TheVerge acrescenta que o smartphone médio contém apenas 30mg de ouro. Considerando-se que a Apple recuperou cerca de 1 tonelada de ouro, a grande quantidade de iPhones desmontado confunde a mente.

Mas como a Apple desmonta um iPhone?
Conheça o Liam:
o robot que a Apple utiliza para desmontar iPhones.

Liam é um robot criado pela empresa para demonstrar iPhones que chegaram ao fim de sua vida útil. O objectivo é separar e reciclar os componentes destes smartphones, sem causar estragos ambientais, uma vez que são também constituídos por materiais tóxicos. 

A desmontagem completa de um iPhone é concluída em apenas 11 segundos, enquanto vários aparelhos passam pelo sistema simultaneamente. Desta forma, a empresa estima que seja possível desmontar 350 iPhones por hora, com 1,2 milhões de unidades por ano.

Desmontando um iPhone 4




Desmontando um iPhone 3
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Segue-nos ou partilhe isto...