Ligas do Ouro

O ouro 24k (puro) é um metal extremamente maleável e de cor amarela.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam as jóias não são feitas de metais preciosos puros, nestas circunstâncias esses metais são praticamente impossíveis de trabalhar. Se uma aliança de casamento, por exemplo, for feita em ouro puro, ela seguramente se deformaria muito facilmente no seu uso diário, qualquer força exercida sobre a peça seria suficiente para amassar, riscar ou até mesmo quebrar.

Então sempre houve a necessidade de se adicionar outros metais aos metais preciosos para se obter uma liga adequada e a isso chamamos fusão.

Com todos os metais (não só os preciosos) acontece o mesmo. Os metais fundidos podem se disolver e se misturar depois de solidificados formando novos materiais de caracterísiticas diferentes. Isso acontece porque em geral os metais puros não reúnem todas as qualidades necessárias para uma determinada utilização.


A quantidade de metal precioso existente em uma liga é traduzida através da indicação do “toque” da mesma, ou seja, quanto mais alto é o toque de uma peça, maior é a quantidade de metal precioso que existe nela.

 O toque é habitualmente designado em milésimos ou em quilates, embora os milésimos sejam cada vez mais utilizados.
 Quando se diz, por exemplo, que um objeto tem um toque de 750 milésimos, isto quer dizer que em 1000 unidades de massa da liga com a qual foi confeccionada a peça de metal precioso, existem 750 unidades de metal precioso puro, também equivalente ao toque de 18 quilates.
 Então,
333 milésimos equivalem a 8k (quilates)
375 milésimos equivalem a 9k
585 milésimos equivalem a 14k
750 milésimos equivalem a 18k
800 milésimos equivalem a 19,2k (ouro português)
1000 milésimos equivalem a 24k.

E é impossível detectar a olho nu qual o toque de uma determinada peça, isto quer dizer que uma jóia de 333 milésimos, por exemplo, pode ser aparentemente igual a uma jóia de 750 milésimos.

As cores do Ouro

Para que este metal seja utilizado na confecção de jóias, são feitas as ligas com outros metais que acrescentam cor e resistência ao metal. A cor do ouro não define seus quilates e a cor mais avermelhada não corresponde a uma liga de ouro mais forte como muitos imaginam. A cor do ouro é definida conforme sua liga.

O motivo destas ligas serem utilizadas em teores diferentes pelo mundo é meramente cultural. No Brasil usamos 750-18k somente, mas nos Estados Unidos o comum é 585- 14k, assim como existem países que utilizam o ouro 10k. Por isso se for viajar e achar que está comprando uma jóia mais barata no exterior, não se iluda, talvez estejas levando menos ouro, mas acredite, o preço do ouro é internacional, portanto não existem milagres. 

Para se obter ouro vermelho 18k
Acrescenta-se ao ouro (Au) 24k:
18% de cobre (Cu) + 15% de prata (Ag)

Para se obter ouro amarelo 18k
Acrescenta-se ao ouro (Au) 24k:
13% de cobre (Cu) + 20% de prata (Ag)

Para se obter ouro branco 18k
Acrescenta-se ao ouro (Au) 24k:
16,66% de paládio (Pd) + 16,66% de prata (Ag)

Outras cores de Ouro acabado:
Ouro rosa: Ouro+1/3Prata+2/3Cobre 
Ouro azul: Ouro+Prata+Zinco 
Ouro verde: Ouro+Prata 
Ouro Preto: Ouro+Prata+Aço(ou ferro)

Fonte:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Segue-nos ou partilhe isto...