Como resfriar notebook com moedas de cobre

Todo mundo que usa notebook (portátil), já passou pela frustração de ter que ficar erguendo o computador ou mudando sua superfície de apoio porque ele superaqueceu no meio de um jogo ou na reprodução de um filme.

Uma solução fácil e caseira para este problema universal veio do Japão.

"O cobre da moeda é um melhor condutor de calor que o alumínio do computador, e ajuda o calor a se dissipar”,
diz Akinori Suzuki inventor da idéia.


Um MacBook Pro Retina pode ficar muito quente quando está trabalhando no limite de seu desempenho.

Usando digitalização termodinâmica, foi capaz de se mostrar que o calor é focado para a parte traseira do computador.
Screen Shot 2016-06-07 at 4.30.03 pm
Esta imagem mostra como o calor gerado por um MacBook com tela de Retina se concentra no centro e parte superior da região do teclado. Ali, a temperatura chega aos 45°C, enquanto a parte da frente fica ao redor dos 31°C. Esse superaquecimento pode limitar a performance da máquina.

Com base nessa informação Zuzuki surgiu com a solução final (e mais fácil) para o problema: simplesmente empilhar moedas de cobre em cima do seu MacBook para esfriá-la, usando o poder da termodinâmica e aplicando a química para as exigências da computação moderna.

Isso é muito brilhante, vendo como o cobre tem muito maior condutividade térmica do que o alumínio ou plástico de que a maioria dos laptops são feitas. Por causa das leis da termodinâmica, isso significa que, contanto que as moedas de cobre são mais frias do que o seu computador, elas vão 'absorver' o calor que, de outra forma esta causando problemas para a sua unidade de processamento central.

Viralizou:
Como tende a acontecer online, a internet levou sua idéia a correr meio mundo, com outros usuários do Twitter compartilhando imagens de suas próprias configurações - e não é que não é apenas para laptops, ele também pode arrefecer a sua torre de desktop.
COMPUTER-COIN-RADIATOR

NOTA:
Para ser claro, esta é uma idéia não comprovada a partir da internet - os resultados não foram testados em um experimento adequado, e não há nenhuma garantia de que isso vai funcionar para todos. Mas a resposta on-line sugere que é muito bem sucedida para um monte de amantes do computador lá fora.

E para você que não está vivendo no Japão (a terra da moeda de cobre) não se preocupe. Na Austrália, cada moeda contém mais do que 50 por cento de cobre, no Reino Unido, as moedas são todas feitas na maior parte do metal, já no Brasil moedas de 1 e de 5 centavos são revestidas de cobre e na Europa moedas de 1, 2 e 5 cêntimos também são revestidas do metal.

A má notícia fica para os EUA, é que tostões não contém mais de 2,5 por cento de cobre desde 1981, por isso, enquanto todas as moedas de antes desta data irão arrefecer o seu computador, as mais recentes moedas à base de zinco não vão ser extremamente útil (zinco é menos condutiva que o alumínio).

Fonte:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Segue-nos ou partilhe isto...